Arnaldo V. Carvalho

O último vôo da Fragata

Como o descaso das autoridades torna a situação da fauna carioca uma tragédia biológica

A situação dos zoológicos e centros dedicados ao estudo e preservação da fauna e da flora do Rio de Janeiro nos mostra o quanto o amor a vida e a natureza afasta-se mais e mais das pessoas, que consideram “progresso” a construção interminável de prédios em meio a selva de concreto, cuja sustentabilidade por sua vez é baseada em destruição do meio ambiente através da exploração de suas riquezas. Logo a Cidade Maravilhosa, dona da maior floresta urbana do planeta, capital de um estado cercado de mata atlântica sobrevivente e uma costa exuberante. O relato que você vai ler, ocorrido no dia 22 de julho de 2012, ilustra o que está acontecendo debaixo de nossos narizes.

Nívia Pombo e Arnaldo V. Carvalho

Passei os últimos meses trabalhando tanto que não tive…

Ver o post original 1.755 mais palavras