Estudo mostra contaminação de água mineral por micro-plásticos

A Organização Mundial da Saúde (OMS) anunciou que irá realizar uma revisão nos riscos potenciais colocados pela contaminação por micro-plásticos [1] na água consumida pelas pessoas após os resultados de um estudo encomendando pela Orb Media e realizado pela Universidade do Estado de Nova York[2]. Nesse estudo foram amostras de água mineral de 9 países e de 11 diferentes marcas (Aqua (Danone), Aquafina (PepsiCo), Bisleri (Bisleri International), Dasani (Coca-Cola), Epura (PepsiCo), Evian (Danone), Gerolsteiner (Gerolsteiner Brunnen), Minalba (Grupo Edson Queiroz), Nestlé Pure Life (Nestlé), San Pellegrino (Nestlé) and Wahaha (Hangzhou Wahaha Group).

mcriplasticoO estudo revelou que as amostras de água mineral analisadas possuíam duas vezes mais micro-plásticos do que o encontrado em água de torneira, revelando que, ao menos no nível da poluição por micro-plásticos, a noção de que água engarrafada é mais segura não passa de um mito bem construído pela indústria que hoje controle…

Ver o post original 158 mais palavras